Seguidores

ATUALIZAÇÕES

Copyright 2008 © Blog Oficial - Ministério Geração de Davi - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © All Rights Reserved.

"Toda a glória seja dada ao nosso Deus"



3 de julho de 2009

Você ama a Deus?



A aquele que tem os seus mandamentos e os guarda esse é o que me ama... (jo 14:21a)

Estamos em uma geração em que declarar o amor a DEUS , tornou-se "MODA", tornou-se até admirável entre aqueles que não são cristãos e que ainda não conhecem o que é ter intimidade com DEUS. Uma geração de adoradores que facilmente, abrem a boca para declarar que ama a DEUS, mais séra que realmente ama? As suas atitudes, também declaram esse amor? ou só as suas palavras? Este versículo de João 14:21 nos díz sobre quem realmente ama a DEUS. E os que amam a DEUS são aqueles que "tem" os mandamentos, os que observam as suas palavras, os que guardam os seus estatutos (SL 119:11). Esse sim é o que o ama, os que são ouvintes, mas também tementes e praticantes da sua palavra (TG 1:22). E o interessante é como consequência desse amor e dessa obediência a sua palavra Jesus diz: "E aquele que me ama será amada por meu pai, e eu também o amarei e me manifestarei a ele". Que maravilha irmãos! o simples fato de amá-lo e demonstrar esse amor através da nossa obediência, nos levará a um nível muito grande de relacionamento com Ele! pode crê que é desejo dEle, se manifestar a cada um de nós face a face.( ICO 13:12). Eu as vezes comparo muito o nosso relacionamento conjugal, com o nosso relacionamento com Cristo; sabe por que somos submissos a nossos maridos? porque o amamos . Sabe porque nos preocupamos se já comeu, se está bem vestido, por que procuramos obedecer quando eles dão ordem, EX: NÃO USE CARTÃO KKKKK, não é por nada mais, nada menos porque somos apaixonadas por ele! logo , se amamos tanto assim a Cristo como falamos , iremos ser obedientes a Ele. As vezes irá nos custar alguns sacrifícios, mas creio eu, que a maioria das vezes será muito mais prazeroso, pois amar a DEUS ainda que custe sacrifícios , não é um jugo, e sim o mínimo do que eu posso oferecer à quem tanto me amou.

Eu te amo jesus! e que essa declaração não seja só de palavras mais seja carregada de atitudes de amor por ti.



Como devo amar a Deus?


"Amarás pois o senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento e de toda a tua força." (Mc 12:28-34).


Entendemos na 1º mensagem, que as nossas declarações de amor a Deus devem ser fruto de uma vida de obediência a Ele, e que as vezes isso vai custar alguns sacrifícios...
Mas como devo amar a Deus? Amar a Deus exigir muito de nós, é uma entrega total de seus sentimentos, anseios, desejos e sonhos. E quando isso acontece, faz com que as nossas declarações de amor sejam verdadeiras e cheias de um sentimento puro, santo e agradável. E com certeza, transforma a nossa vida e a de quem ouve, pois passa a entender, que é possível amar a Deus de uma maneira toda especial, sem hipocrisia e fingimento, mais em espírito e em verdade.
No texto de Mc 12:28-34, Jesus ensina com devemos amá-lo, como é importante cumprir esse mandamento, que é chamado nessa passagem de " O Grande Mandamento". Ele nos ensina que amar a Deus exige:
1-Todo coração: a sede dos sentimentos e da motivação (Sl:6-1).
2-Toda alma: a vitalidade e o tempo integrado (Sl :84-2 e Cl: 3:1-4).
3-Todo o entendimento: a inteligência (Rm:12:2 , 1Co 2:16 e Fl: 4:8).
4-Toda força: a vontade e o esforço (Agostinho declarou: ama a Deus e faze o que queres, porque purifica as intenções).
5- Amar o próximo como a si mesmo.
O interessante é que nesse texto o escriba complementa o que Jesus nos ensinou, dizendo que amar o nosso próximo como a nós mesmos, é o mesmo que amá-lo. (1Jo: 4.20).
O próprio Deus nos deu a receita de como devemos amá-lo e ainda nos ensinou o primeiro mandamento: amarás o teu Deus de toda ..., não se separa do segundo que é: amarás o teu próximo como a ti mesmo, e que não a sacrifícios e nem votos ,nem "santidade" que sejam maior do que amá-lo dessa forma que ele nos ensinou.
Que o nosso amor pelo mestre em amar, exceda a todos os holocaustos e sacrifícios.


Tornando público o seu amor a Deus.


Lc 7.38 “E estando por detrás aos seus pés, chorando, regava-os com suas lágrimas e os enxugava com os seus próprios cabelos e beijava-lhes os pés e os ungia com o ungüento.”

Para mim este texto é um dos textos que eu enxergo uma das grandes declarações de amor a Deus. Onde essa mulher a fez tão publicamente sem se preocupar com quem estava ao seu redor ou com as circunstâncias da sua vida, ela simplesmente demonstrou o seu amor ali para Jesus. Diante de todos. A sua única preocupação creio eu, era simplesmente derramar todo o seu amor aos pés de Jesus. Entregando ali, a sua vida, as suas lágrimas, o seu perfume mais caro, declarando com essa atitude de adoração e de entrega, que tudo o que tinha era dEle, Que o seu melhor era dEle. No final do texto no verso 47, Jesus diz ao fariseu: “Por isso te digo perdoados lhe são os seus muitos pecados, por que ela muito amou" Aquela mulher entendeu que tinha muitos, muitos pecados e que Jesus poderia perdoá-los e lhe tirar todo o fardo. E Ele assim o fez. Ela reconheceu e o amou. E sua fé, que a levou a ter essa demonstração de amor diante de todos a salvou. Ela não só desfrutou de um momento especial com Jesus, como com sua demostração de amor, com a sua vida, marcou a história da humanidade. Há quem diga que sou “exagerada” mas não consigo deixar de dar a Deus aquilo que Ele me pede no momento de adoração, em que Ele vem ao meu encontro. Seja: palmas, gritos, ajoelhar-me ou prostar-me ou até deitar no chão. Eu só penso em desfrutar daquele momento tão especial! Quero encorajá-lo a sempre demonstrar o seu amor a Jesus como esta mulher; sem vergonha, timidez, preocupações.... Mas com o coração cheio de amor a Ele, sem se preocupar com quem está do seu lado. Ele está de braços abertos no lugar secreto que as vezes é público, para nos deliciarmos no banquete da sua intimidade. Não se preocupe com o dia de amanhã, pois o próprio Jesus declarou: basta a cada dia o seu próprio mal. Desfrute da sua presença seja na igreja ou no quarto, quando Ele vier ao seu encontro vá ao encontro dEle e desfrute de um momento que pode marcar sua vida e talvez até sua geração .Querido, demonstre o seu amor a Ele, pois Ele nunca deixa de demonstrar o seu amor por você. Que Deus te abençoe!


No amor do Pai,

Rose Correia, Líder de Louvor do GD

1 FAÇA SEU COMENTÁRIO!:

Anônimo,  9 de julho de 2009 14:46  

Essa reflexão é uma benção. Mais que palavras, precisamos provar o nosso amor através das nossas atitudes.

Postar um comentário

União de Blogueiros Evangélicos

ATUALIZAÇÕES


NA BARRA DE VÍDEO UMA PALAVRA DO PASTOR PAUL WASHER: " JESUS CRISTO É TUDO" . NÃO DEIXEM DE CONFERIR.


NÃO DEIXEM DE CONFERIR O LINK PARA REFLETIR. CONFIRA MAIS ESSA NOVIDADE NO BLOG DO GD.


Confiram em Agenda do GD. Os dias e horários do 11º Congresso de Adoração.

Fotos do Congresso em Diário do GD. Não deixem de conferir.

Você ama a Deus?

| |



A aquele que tem os seus mandamentos e os guarda esse é o que me ama... (jo 14:21a)

Estamos em uma geração em que declarar o amor a DEUS , tornou-se "MODA", tornou-se até admirável entre aqueles que não são cristãos e que ainda não conhecem o que é ter intimidade com DEUS. Uma geração de adoradores que facilmente, abrem a boca para declarar que ama a DEUS, mais séra que realmente ama? As suas atitudes, também declaram esse amor? ou só as suas palavras? Este versículo de João 14:21 nos díz sobre quem realmente ama a DEUS. E os que amam a DEUS são aqueles que "tem" os mandamentos, os que observam as suas palavras, os que guardam os seus estatutos (SL 119:11). Esse sim é o que o ama, os que são ouvintes, mas também tementes e praticantes da sua palavra (TG 1:22). E o interessante é como consequência desse amor e dessa obediência a sua palavra Jesus diz: "E aquele que me ama será amada por meu pai, e eu também o amarei e me manifestarei a ele". Que maravilha irmãos! o simples fato de amá-lo e demonstrar esse amor através da nossa obediência, nos levará a um nível muito grande de relacionamento com Ele! pode crê que é desejo dEle, se manifestar a cada um de nós face a face.( ICO 13:12). Eu as vezes comparo muito o nosso relacionamento conjugal, com o nosso relacionamento com Cristo; sabe por que somos submissos a nossos maridos? porque o amamos . Sabe porque nos preocupamos se já comeu, se está bem vestido, por que procuramos obedecer quando eles dão ordem, EX: NÃO USE CARTÃO KKKKK, não é por nada mais, nada menos porque somos apaixonadas por ele! logo , se amamos tanto assim a Cristo como falamos , iremos ser obedientes a Ele. As vezes irá nos custar alguns sacrifícios, mas creio eu, que a maioria das vezes será muito mais prazeroso, pois amar a DEUS ainda que custe sacrifícios , não é um jugo, e sim o mínimo do que eu posso oferecer à quem tanto me amou.

Eu te amo jesus! e que essa declaração não seja só de palavras mais seja carregada de atitudes de amor por ti.



Como devo amar a Deus?


"Amarás pois o senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento e de toda a tua força." (Mc 12:28-34).


Entendemos na 1º mensagem, que as nossas declarações de amor a Deus devem ser fruto de uma vida de obediência a Ele, e que as vezes isso vai custar alguns sacrifícios...
Mas como devo amar a Deus? Amar a Deus exigir muito de nós, é uma entrega total de seus sentimentos, anseios, desejos e sonhos. E quando isso acontece, faz com que as nossas declarações de amor sejam verdadeiras e cheias de um sentimento puro, santo e agradável. E com certeza, transforma a nossa vida e a de quem ouve, pois passa a entender, que é possível amar a Deus de uma maneira toda especial, sem hipocrisia e fingimento, mais em espírito e em verdade.
No texto de Mc 12:28-34, Jesus ensina com devemos amá-lo, como é importante cumprir esse mandamento, que é chamado nessa passagem de " O Grande Mandamento". Ele nos ensina que amar a Deus exige:
1-Todo coração: a sede dos sentimentos e da motivação (Sl:6-1).
2-Toda alma: a vitalidade e o tempo integrado (Sl :84-2 e Cl: 3:1-4).
3-Todo o entendimento: a inteligência (Rm:12:2 , 1Co 2:16 e Fl: 4:8).
4-Toda força: a vontade e o esforço (Agostinho declarou: ama a Deus e faze o que queres, porque purifica as intenções).
5- Amar o próximo como a si mesmo.
O interessante é que nesse texto o escriba complementa o que Jesus nos ensinou, dizendo que amar o nosso próximo como a nós mesmos, é o mesmo que amá-lo. (1Jo: 4.20).
O próprio Deus nos deu a receita de como devemos amá-lo e ainda nos ensinou o primeiro mandamento: amarás o teu Deus de toda ..., não se separa do segundo que é: amarás o teu próximo como a ti mesmo, e que não a sacrifícios e nem votos ,nem "santidade" que sejam maior do que amá-lo dessa forma que ele nos ensinou.
Que o nosso amor pelo mestre em amar, exceda a todos os holocaustos e sacrifícios.


Tornando público o seu amor a Deus.


Lc 7.38 “E estando por detrás aos seus pés, chorando, regava-os com suas lágrimas e os enxugava com os seus próprios cabelos e beijava-lhes os pés e os ungia com o ungüento.”

Para mim este texto é um dos textos que eu enxergo uma das grandes declarações de amor a Deus. Onde essa mulher a fez tão publicamente sem se preocupar com quem estava ao seu redor ou com as circunstâncias da sua vida, ela simplesmente demonstrou o seu amor ali para Jesus. Diante de todos. A sua única preocupação creio eu, era simplesmente derramar todo o seu amor aos pés de Jesus. Entregando ali, a sua vida, as suas lágrimas, o seu perfume mais caro, declarando com essa atitude de adoração e de entrega, que tudo o que tinha era dEle, Que o seu melhor era dEle. No final do texto no verso 47, Jesus diz ao fariseu: “Por isso te digo perdoados lhe são os seus muitos pecados, por que ela muito amou" Aquela mulher entendeu que tinha muitos, muitos pecados e que Jesus poderia perdoá-los e lhe tirar todo o fardo. E Ele assim o fez. Ela reconheceu e o amou. E sua fé, que a levou a ter essa demonstração de amor diante de todos a salvou. Ela não só desfrutou de um momento especial com Jesus, como com sua demostração de amor, com a sua vida, marcou a história da humanidade. Há quem diga que sou “exagerada” mas não consigo deixar de dar a Deus aquilo que Ele me pede no momento de adoração, em que Ele vem ao meu encontro. Seja: palmas, gritos, ajoelhar-me ou prostar-me ou até deitar no chão. Eu só penso em desfrutar daquele momento tão especial! Quero encorajá-lo a sempre demonstrar o seu amor a Jesus como esta mulher; sem vergonha, timidez, preocupações.... Mas com o coração cheio de amor a Ele, sem se preocupar com quem está do seu lado. Ele está de braços abertos no lugar secreto que as vezes é público, para nos deliciarmos no banquete da sua intimidade. Não se preocupe com o dia de amanhã, pois o próprio Jesus declarou: basta a cada dia o seu próprio mal. Desfrute da sua presença seja na igreja ou no quarto, quando Ele vier ao seu encontro vá ao encontro dEle e desfrute de um momento que pode marcar sua vida e talvez até sua geração .Querido, demonstre o seu amor a Ele, pois Ele nunca deixa de demonstrar o seu amor por você. Que Deus te abençoe!


No amor do Pai,

Rose Correia, Líder de Louvor do GD

1 comentários:

Anônimo disse...

Essa reflexão é uma benção. Mais que palavras, precisamos provar o nosso amor através das nossas atitudes.

Postar um comentário

Acesse!

Acesse!
ACESSE!

NOSSA IGREJA

NOSSA IGREJA
ACESSE!

Visitas online

Lorem ipsum

  ©Template by Dicas Blogger.